Vereador policial pode ser cassado por porte de arma no Paraná

O vereador de São Miguel do Iguaçu-PR ,Volmer Roberto Tschinkel (PPS), mais conhecido por Gaúcho, é escrivão da Polícia Federal e tem porte de arma, mas a Câmara da cidade quer cassar seu mandato por ele andar armado.
Só que desta vez não parece ser mais um caso de patrulha do Politicamente Correto, e sim a velha “intriga da oposição” que tanto acontece na velha política do interior do nosso país.

Segundo o vereador, isso ocorre como represália por ele ser oposição e estar denunciando irregularidades na gestão do município. Ele explica neste vídeo.

É o preço por não entrar no jogo, mas o vereador alega que está satisfeito com a proporção que o caso tem tomado e com o apoio que tem recebido da população.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.




}
AllAccessDisabledAll access to this object has been disabledE912067A89C6A70398A/VmUDFaqx/cnWuNB6D48V8RTjW9+77p6pWul5mh4SQFy2vpFsp73V7jK8fj0gaKYLEDhnt5U=