APP-Sindicato dispara ódio contra professora que faz oposição ao extremismo e má gestão do órgão petista

A professora Isabele Félix Pereira Ñanju Rete, que representa a Chapa 3, que faz oposição à atual gestão da APP-Sindicato, tem conhecido o ódio dos extremistas que tomaram a instituição. Agressões baixas contra uma mulher e professora somente porque ela não reza a cartilha dos apoiadores do ditador Maduro e da quadrilha do PT.
00

Isso tem acontecido porque a professora vem denunciando a gestão partidária, totalitária e a má administração de uma instituição que fere a honra dos verdadeiros professores paranaenses.

 

Fico no aguardo das feministas para defender essa mulher. Agressões deste nível são inaceitáveis e quem a chamou de nazista deverá ser processado.

Be the first to comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.




}
AllAccessDisabledAll access to this object has been disabledE912067A89C6A70398A/VmUDFaqx/cnWuNB6D48V8RTjW9+77p6pWul5mh4SQFy2vpFsp73V7jK8fj0gaKYLEDhnt5U=